jusbrasil.com.br
27 de Outubro de 2021

A amante do segurado falecido tem direito de receber pensão por morte?

Enviar Soluções Burocráticas , Advogado
há 14 dias


A pensão por morte é um benefício assegurado pelo INSS, para os dependentes do segurado falecido. A finalidade é substituir o salário do trabalhador e assegurar a qualidade de vida de seus dependentes.

Uma dúvida muito recorrente, acontece quando o trabalhador falecido tem uma amante. Nesses casos, o benefício também pode ser garantido para ela?

Nesse artigo, vamos explicar o que foi definido pelo Supremo Tribunal Federal.

Requisitos exigidos para solicitar a pensão por morte

Para conseguir o benefício os dependentes do segurado falecido devem cumprir alguns critérios, são eles:

  • comprovar a morte do trabalhador/segurado (certidão de óbito) ou morte presumida (desde que tenha sentença da Justiça);
  • comprovar que a pessoa falecida estava na qualidade de segurado no instante da sua morte (carteira assinada, comprovantes de pagamentos junto ao INSS ou recebimento de benefícios como a aposentadoria);
  • demonstrar a qualidade de dependente da pessoa falecida (relação familiar e, se necessária, de dependência econômica).

Dependentes que asseguram a pensão por morte

Em primeiro lugar, é preciso entender que existem algumas classes de beneficiários. Os dependentes de classes com menor grau de prioridade só receberão a pensão, quando não houver nenhum dependente nas classes de maior prioridade.

Veja a seguir como essas classes de são divididas:

Classe 1 – cônjuge, ou companheiro; filhos e equiparados (possuir menos de 21 anos, ou com invalidez comprovada por perícia)

Classe 2 – pais

Classe 3 – irmãos

Importante: Os pais e irmãos do segurado falecido precisam comprovar a dependência econômica para poderem receber o benefício.

Período de duração do benefício para o cônjuge ou companheiro do segurado falecido


O tempo de duração da pensão por morte varia conforme o caso. Veja a tabela abaixo:

  • 3 anos de pensão para quem tiver menos de 22 anos de idade;
  • 6 anos de pensão para quem tiver entre 22 e 27 anos de idade;
  • 10 anos de pensão para quem tiver entre 28 e 30 anos de idade;
  • 15 anos de pensão para quem tiver entre 31 e 41 anos de idade;
  • 20 anos de pensão para quem tiver entre 42 e 44 anos de idade;
  • vitalícia para quem contar com 45 anos de idade ou mais.

A amante tem direito de receber pensão por morte?

A amante não tem direito a receber o benefício, mesmo que consiga cumprir as outras normas. Essa decisão partiu do STF, em dezembro de 2020.

Portanto, mesmo que a amante procure a Justiça para requerer o benefício, os tribunais precisam acatar a decisão do STF, que é a mais alta instância do poder judiciário.

(Por: Ana Flavia Corre / Fonte: www.jornalcontabil.com.br)


Precisando de Cópias Processuais ? Fale com a Enviar Soluções!

📰 Veja também:

➡️Atenção consumidor: entenda o que acontece com a dívida após 5 anos

................................................................................................

🔥 KIT JURÍDICO 2021 - um acervo com mais de 4.137 modelos de Petições Profissionais de ALTO VALOR testadas e aprovadas, e o melhor: VERDADEIRAMENTE ATUALIZADAS!

0 Comentários

Faça um comentário construtivo para esse documento.

Não use muitas letras maiúsculas, isso denota "GRITAR" ;)